The Most Beautiful Moment in Life: Acervo I

O Momento Mais Bonito da Vida de Peter Pan

Flavianny Monteiro Carvalho
Revisão: Helmer Marra e Mariana Mathias

Peter Pan / The Boy Who Wouldn’t Grow Up estreou como uma peça de teatro no ano de 1904, sob autoria de J.M Barrie. Em 1911, foi lançado na forma de romance Peter & Wendy, também foi adaptado para a arte cinematográfica pelos Estúdios Walt Disney em 1953 (animação) e 2003 (filme). 

O romance Peter & Wendy descreve as aventuras de Peter e o crescimento de Wendy, seus irmãos, Michael e John, e os meninos-perdidos. Além disso, sutilmente, o livro aponta o amor platônico de Wendy por Peter.

Figura 1 – Capa do livro Peter & Wendy-  Ilustrado por André Ducci
Fonte: BARRIE, 2018

O livro inicia-se com Wendy aos 2 anos de idade, agindo de forma delicada ao mostrar uma flor para sua mãe, como se fosse a coisa mais surpreendente do mundo. “Ah, por que você não fica assim para sempre” (BARRIE, 2018, p. 21), é o que sua mãe, sra Darling diz. Naquele momento, Wendy compreende que todas as crianças crescem e as mães sentem falta dessa fase.

A senhora Darling é uma mãe atenta ao comportamento de seus filhos, ela até mesmo vasculha seus pensamentos. Em uma dessas ocasiões, ela encontrou alguém “atrevido” que pairava sobre o mapa da mente das crianças.

A primeira vez que a senhora Darling ouviu falar sobre Peter Pan foi quando estava organizando os pensamentos de seus filhos. É costume de toda boa mãe, depois que as crianças vão dormir à noite, vistoriar as mentes delas e garantir que tudo esteja em ordem para a manhã seguinte, recolocando nos devidos lugares os muitos pensamentos que vagaram por lá durante o dia (BARRIE, 2018, p. 26).

A senhora Darling buscou, em seu próprio mapa mental, algum vestígio desse tal Peter Pan e lembrou-se da própria infância, em que ele existiu como um menino que mora com as fadas, e ajuda crianças com medo da passagem para o paraíso. Agora que é adulta, ela não acredita que alguém assim possa existir. 

Contrariada pelo fato de Peter Pan estar ocupando espaço na mente de seus filhos, a senhora Darling adormeceu enquanto costurava roupas. Ela sonhou que a Terra do Nunca se aproximou do mundo real, permitindo que Peter fizesse a passagem pela janela de sua casa, enquanto seus filhos o observavam. A janela do quarto das crianças escancarou-se e a senhora Darling despertou assustada quando viu a pequena figura de Peter Pan. Este reconhecendo que ela era uma adulta, rosnou. 

Nana, a cadela-babá, ouviu o grito da senhora Darling e avançou sobre Peter, arrancando sua sombra. Assim, permitindo-o escapar pela janela e voltar à Terra do Nunca em forma de estrela cadente.

Na semana seguinte, a família Darling tinha uma festa especial sobre negócios. Na noite da festa havia um problema: Michael não queria tomar o remédio para tosse. Tentando dar o exemplo, George Darling disse que tomaria um remédio ruim, se Michael também tomasse o seu. No momento que Michael tomou a dose, George pensou que seria engraçado despejar o remédio na tigela de Nana, como se fosse leite. Ninguém achou engraçado, assim ele decidiu que não poderia deixar uma cadela mandar na educação de seus filhos e em sua própria casa. Amarrou Nana no quintal, e dirigiu-se com sua esposa até o local da festa.

As estrelas observaram o senhor e a senhora Darling se distanciando e sopraram forte para abrir a janela da casa. Assim, Tinker Bell e Peter Pan entraram no quarto, começando a revirar todas as gavetas em busca da sombra. Infelizmente, quando Peter encontrou sua sombra não conseguiu incorporá-la, ficou muito aflito e começou a chorar. 

O choro acordou Wendy que tentou consolar Peter. Ele explicou que estava triste porque sua sombra não “grudava” nele. Wendy com toda a sua bondade e altruísmo, responsabilizou-se pela costura da sombra de Peter. Dessa maneira, eles foram reconectados. Peter sentiu-se orgulhoso de si, esquecendo-se de agradecer Wendy que ficou indignada com tamanho egoísmo.

Figura 2 – A sombra
Fonte: Disney, 1953

Após ter sua sombra costurada, Peter diz que veio ouvir as histórias que a senhora Darling conta, porque, na Terra do Nunca, eles não conhecem nenhuma. Wendy conta o fim da história da Cinderela e pede para ele ficar mais um pouco, pois ela conhece diversos contos. O menino tenta convencê-la a ir à ilha, dizendo que a ensinará voar e a levará para conhecer as sereias e as fadas. Wendy aceita o convite, acorda seus irmãos para que eles aprendam a voar também e sigam para uma aventura na Terra do Nunca.

As Terras do Nunca variam muito entre si [...] Em geral, todas as Terras do Nunca se parecem com os lugares onde vivemos. Se as colocarmos lado a lado, será possível ver a semelhança. Naquelas praias mágicas, as crianças brincam eternamente com seus barquinhos de vime. Nós também já estivemos lá, ainda podemos ouvir o som das ondas, mas nunca mais pisaremos naquelas praias (BARRIE, 2018, p. 26).
Figura 3 –  Aprendendo a voar – Ilustrado por André Ducci
Fonte: BARRIE, 2018

Todos estão muito animados com a ilha e até mesmo são capazes de reconhecer certos elementos. John e Michael lembraram-se do formato de suas casas e das guerras entre piratas e indígenas que aconteciam nas suas mentes quando sonhavam com a ilha. 

Apesar de incrível, quando a Terra do Nunca se tornou real para aquelas crianças, as aventuras divertidas tornaram-se momentos perigosos.

Figura 4 – Os meninos-perdidos
Fonte: Disney, 1953

Wendy percebeu que os meninos-perdidos não tinham nenhuma referência feminina ou uma mãe. Então ela exerceu esse papel ao costurar suas roupas, preparar as refeições e contar histórias. Apesar de fazer a maior parte do trabalho, quem mandava na casa era Peter, ele é quem decidia se o jantar seria de “faz-de-conta” ou de verdade, e ordenava tarefas aos meninos-perdidos

Peter passava muito tempo fora de casa, vivendo inúmeras aventuras que eram esquecidas rapidamente. Em uma de suas aventuras, Peter notou que seu inimigo, Capitão Gancho capturou a nativa Lily Tigre e a colocou sobre a pedra das sereias para que morresse afogada.

 Indignado, ele luta contra Gancho, que acaba desistindo, devido ao crocodilo que arrancou sua mão estar emitindo um som do tique-taque, ocasionado pela ingestão de um relógio. Assim, Peter salva sua aliada Lily Tigre que prometeu proteger Peter e sua família.

O Capitão Gancho e seus subordinados aproveitavam a ausência de Peter para estudar o caminho da casa subterrânea e descobriram as portas que consistiam em 10 árvores com buracos. O pirata achou uma idiotice ter várias portas e pensou que os meninos-perdidos não tinham uma mãe para avisar isso à eles, logo, enviou um bolo envenenado para a casa de Peter. Wendy, muito atenta, livrou-se do bolo.

Enquanto Peter vivia suas aventuras, Wendy cuidava de seus “filhos” e aplicava testes sobre o senhor e a senhora Darling. Quando ela notou que estava se esquecendo dos detalhes,como a cor dos olhos, do cabelo, e o nome dos próprios pais, sentiu que era hora de voltar pra casa. Wendy disse a Peter que desejava voltar e pede para que prepare a viagem. Ele ficou arrasado, mas pediu  a Tinker Bell para acompanhá-la na manhã seguinte.

Gancho observou que havia um garrafa contendo o remédio que Peter sempre tomava, então a envenenou. Peter estava prestes a se envenenar quando Tinker Bell saltou na sua frente e tomou o líquido, explicando que era perigoso.

A luz de Tink estava se apagando, ela estava prestes a morrer, ela disse que se uma criança acreditasse em fadas talvez ela pudesse viver. Assim, Peter trouxe crianças e pediu para que aquelas que acreditassem em fadas batessem palmas, pois assim Tink se recuperaria. Algumas bateram palmas, outras vaiaram, a fé das crianças proporcionou vida à Tink.

Além de tentar matar Peter, Gancho capturou Wendy, John, Michael e os meninos-perdidos, com o intuito de matar todos aqueles que Peter ama. Conhecendo o coração maldoso e os medos do pirata, Peter nadou até o navio imitando o tique-taque do crocodilo. Porém, o som ficou tão parecido que o próprio crocodilo começou o seguir. 

Peter adentrou o navio e lutou contra os piratas subordinados. Aterrorizado, Gancho ordenou que lançassem o “ser” no porão juntamente às crianças para que fossem mortos. Entretanto, o “ser” na verdade era Peter, e ajudou-os a se libertar.

O menino e o pirata batalharam intensamente no navio, não saberíamos dizer quem ganharia, pois ambos eram extremamente habilidosos. A única desvantagem de Peter era sua estatura que não permitia golpear partes fatais. Mas, assim que o adulto se abaixou para golpeá-lo, Peter o apunhalou e o levou até a prancha do navio. Eles continuaram lutando e o pirata escorregou, mas fincou seu gancho na borda da prancha. Peter ia golpeá-lo mais uma vez, porém este sinalizou para que o deixasse cair na água e fosse morto pelo crocodilo. 

Figura 5 – A morte de Gancho
Fonte: Disney, 1953

Após a batalha com Gancho, era hora de levar Wendy e seus irmãos de volta para a realidade. No entanto, Peter não queria se despedir, pois amava a sua  “família” de faz-de conta.

Peter chegou antes de todos no quarto das crianças e trancou a janela para que Wendy pensasse que sua mãe se esqueceu dela e de seus irmãos. Porém, ele viu a senhora Darling tocando piano e se compadeceu de sua tristeza e abriu a janela novamente. As crianças entraram e se deitaram em suas camas como se nunca tivessem saído de lá. Por um momento, a senhora Darling pensou que fosse um sonho, mas quando abraçou seus filhos, percebeu que eles realmente tinham voltado e ainda eram suas preciosas crianças.

A senhora Darling chamou o esposo para dizer que as crianças retornaram e avisar que nessa aventura eles ganharam mais dois filhos: os gêmeos perdidos. Todos estavam muito felizes em família, Peter sentiu-se deslocado e voou até a janela para se despedir da sua amada “mãe”, Wendy. 

Wendy convidou Peter para fazer parte da família, mas ele negou, pois não queria ter responsabilidades, como ir à escola, arrumar um emprego e crescer.

Percebendo a frustração de Peter, a senhora Darling sugeriu que Wendy e Peter se encontrassem toda primavera para relembrar suas aventuras. Ambos concordaram, pois seria ótimo eternizar essas lembranças tão especiais.

Apesar da promessa, Peter nem sempre se lembrava de buscar Wendy na primavera, então por muitos anos ele não apareceu. Wendy cresceu, casou-se e teve uma filha a qual nomeou Jane. Certo dia, após colocar Jane para dormir, Wendy assustou-se ao ver Peter Pan adentrar sua janela. Ela sentia-se culpada por ter crescido, mas criou coragem e contou a Peter que era uma mulher adulta e a criança na cama era sua filha. 

Jane acordou subitamente e ofereceu-se para ir no lugar de sua mãe para fazer a faxina da primavera, pois sabia que Peter precisava de uma mãe. Wendy tentou impedir, mas ela não sabia mais voar, quando notou, Jane e Peter já estavam brilhando como as estrelas. Jane cresceu e, assim como sua mãe, desaprendeu a voar, teve uma filha, Margaret, que tornou-se a nova companhia do eterno Peter Pan.

A primavera tornou-se especial para todas as crianças da família Darling, pois era nessa estação que poderiam viver suas aventuras ao lado da eterna criança, no lugar mais especial de suas mentes, a Terra do Nunca.

O momento mais bonito da vida do Peter Pan foi a infância, por esta razão, em toda a narrativa do livro ele permanece uma criança. Peter não queria crescer, pois tinha medo da vida adulta, das responsabilidades e da incerteza de ser feliz; ele tinha medo de não viver aventuras quando crescesse. O momento que Peter “floresceu” ocorreu após Wendy e seus irmãos deixarem a ilha, pois ele foi influenciado pela figura adulta do Capitão Gancho e pela responsabilidade de Wendy. Desta forma, Peter tornou-se um pirata, isto é, um adulto que vive aventuras.

Assim como o livro de Peter Pan trata das inseguranças da infância, O conceito da trilogia do BTS, “The Most Beautiful Moment In Life: 花樣年華” aborda as incertezas e preocupações de um jovem adulto, a impotência da juventude, o conhecimento dos próprios limites e a superação dos mesmos.

No álbum “The Most Beautiful Moment In Life: 花樣年華 PT. 1”, o BTS introduz o conceito de crescimento, amadurecimento e a vida como “jovem-adulto”, isto é, entre 18-23 anos.

Não sendo mais apenas garotos, o álbum é uma introdução ao BTS como um grupo que continua a crescer e se desenvolver [...] O novo álbum começa a discutir "juventude". O BTS escolheu o tema do "momento mais bonito da vida", o início da idade adulta de uma pessoa em que a beleza coexiste com a incerteza. O momento mais bonito da vida pt.1 concentra-se mais no futuro incerto do que no glamour da juventude (BIGHIT, 2015)

O primeiro álbum também mostra as incertezas e preocupações dos jovens-adultos, isto é, seu futuro incerto, não saber qual faculdade/ profissão seguir, onde morar, como conseguir dinheiro, etc.

O álbum “The Most Beautiful Moment In Life: 花樣年華 PT. 2” foca na beleza da juventude, a paixão dos jovens-adultos pela vida, suas amizades e a aceitação das próprias inseguranças.

O momento mais bonito da vida pt.2 canta sobre a energia da juventude avançando, abraçando até a incerteza e a insegurança. Agora, começando a provar a amargura da vida adulta, eles podem sentir facilmente que a vida nem sempre é bela. No entanto, eles continuam a correr para a frente, contando apenas com as duas pernas destituídas e o fogo em seus corações. Não há mais nada a fazer além de continuar correndo. Enfrentando a impotência da juventude, eles colidem e se despedaçam e ainda clamam que "está tudo bem em cair, tudo bem em se machucar". Essa é a beleza deste momento (BIGHIT, 2015)

Dessa forma, o BTS deseja transmitir a mensagem de que está tudo bem errar, fracassar, pois ainda há muito para se viver.

Finalizando a trilogia da juventude tem-se “The Most Beautiful Moment In Life: Young Forever”, como o próprio nome sugere, jovem para sempre.

O momento mais bonito da vida: YOUNG FOREVER é um álbum especial que marca a conclusão da jornada épica da série, contendo as últimas histórias contadas por jovens que, apesar de uma realidade incerta e insegura (O momento mais bonito da vida pt. 1) continue avançando (O momento mais bonito da vida pt.2) (BIGHIT, 2016).

Young Forever mostra que a juventude não é apenas uma fase na época dos 20 anos, mas uma vida  lutando contra a realidade incerta e tentando alcançar os próprios objetivos. Assim como no livro do Peter Pan, o BTS demonstra preocupações em relação à vida adulta e um afeto imenso pelo momento que estão vivendo, como J-Hope canta no seu verso de EPILOGUE: Young Forever:

“Eu quero permanecer para sempre como o eu de hoje/ Eu quero permanecer para sempre como um menino/ Para sempre nós somos jovens” (BTS, EPILOGUE: Young Forever, 2016).

J-Hope deseja permanecer jovem, pois foi na juventude que ele recebeu o reconhecimento como artista e viveu momentos felizes com o BTS e com ARMY.

Na narrativa de Peter Pan, há os meninos-perdidos, amigos de Peter que morreram ainda bebês, por isso passaram a vida toda na floresta vivendo sua infância. O photoshoot de The Most Beautiful Moment in Life, também, aborda esse conceito, o BTS aparece numa floresta com um ar de curiosidade sobre a vida adulta, o mesmo sentimento dos meninos-perdidos em relação à ter uma mãe.

Figura 6– Os meninos-perdidos à prova-de-balas
Fonte: Bighit, 2015

Há muitos outros versos que remetem à Peter Pan nesta trilogia do BTS, fazendo um interdiscurso, pois tanto os meninos-perdidos quanto o BTS estão curiosos e preocupados sobre como é crescer. Peter Pan vive inúmeras aventuras e mesmo quando ele se machuca ou não tem um dia muito feliz ele pensa que está tudo bem, pois a infância é um momento de aprendizado. Na letra de Fire também é possível perceber essa temática:

“Está tudo bem viver como nós porque somos jovens” (BTS, Fire, 2016)

O BTS canta que está tudo bem errar, fracassar, se machucar e deixar as coisas irem além do planejado, pois a juventude é uma fase de experiências e aprendizados.

Wendy e todas as outras crianças da família Darling possuem lembranças muito importantes de suas infâncias na Terra do Nunca ao lado da Peter Pan, basta vasculhar o mapa da mente que é possível lembrar desses momentos, mas infelizmente não conseguimos revivê-los.

“Esse momento nunca voltará/Eu pergunto a mim mesmo mais uma vez, Você está feliz agora?/ A resposta já está pronta, Eu sou feliz” (BTS, Intro: The most beautiful moment in life, 2015).

 Da mesma forma, BTS relembra momentos felizes de sua juventude em seus versos “Nas memórias eu me torno jovem de novo” (BTS, Autumn Leaves, 2016).

Na narrativa de Peter Pan, quando a fada Tinker Bell está doente ela perde parte de seu brilho, Peter se preocupa, pois eles estavam sozinhos,  dado que tinker bell poderia morrer

“Solitária solitária solitária baleia/ Eu canto sozinho assim/ Poderia alguém como eu, alguém que está isolado numa ilha/ brilhar tão forte?” (BTS, Whalien 52, 2016).

Do mesmo modo, o BTS no início de sua carreira sentia-se só, como se ninguém fosse capaz de ouvir sua voz.

“Nunca acaba/ Por que nunca existe um fim, mas apenas um inferno toda vez/ Mesmo se o tempo passar/ A Terra do Nunca está no frio abismo” (BTS, Whalien 52, 2016).

Em relação às preocupações e incertezas da vida, o conceito abordado nos álbuns do BTS e do livro Peter Pan são os mesmos: Crescer, amadurecer, tornar-se alguém ruim. No livro, Peter Pan joga em direção à borda do navio a sua referência ruim, um adulto, que representa aquilo que ele não deseja ser.

“O que eu jogo em direção à borda/ são incontáveis ​​pensamentos e preocupações com a vida/ Embora eu finja que conheço o mundo, meu corpo ainda não está maduro” (BTS, Intro: The most beautiful moment in life, 2015). 

Assim, na narrativa do BTS, o que é jogado em direção à borda são as preocupações da vida adulta (sucesso, dinheiro, moradia, universidade, etc) e as referências “ruins” apresentadas na trilogia da escola.

Outra referência ao livro do Peter Pan é a importância da primavera. Para Peter a primavera era um momento feliz, pois nessa época ele tinha companhia.

Para o BTS a primavera foi assunto da trilogia “The Most Beautiful Moment In Life”‎ 화양연화 (Hanja: 花樣年華; Romanizado: Hwa Yang Yeon Hwa). Numa entrevista sobre o álbum, RM explicou que esta é uma frase derivada de caracteres chineses que significam “Flor, formato, ano e brilhando”. Além disso, se juntarmos os dois primeiros caracteres  花樣 (Hangul: 화양; Romanizado: Hwa Yang) o significado pode ser “Como uma flor” e os caracteres seguintes 年華 (Hangul: 연화; Romanizado: Yeon Hwa) “período de tempo”, isto é “Um período florescente de tempo”, um momento feliz, agradável como uma flor, como a primavera, o momento mais feliz da vida (TRABASSO, 2016).

De acordo com o BTS, o momento mais bonito da vida pode ocorrer em qualquer momento:

Se você sabe e sente esse momento sinceramente com seu coração, e que você está pronto para aceitar o momento, então desde o momento que você nasceu, a vida inteira pode ser bonita. Se alguém não sabe, então sua vida nunca é bonita não importa o quão rica, quão famosa ou quão bem sucedida sua vida é. Então quando falamos sobre o momento mais bonito de nossas vidas, talvez você possa pensar no seu próprio momento mais bonito de novo. […] Muitos jovens estão sofrendo. Tentando arranjar um emprego, […] estamos desistindo de inúmeras coisas. Mas mesmo nesse período de transição, você pode pensar que felicidade não é algo que você deve conquistar. Você ainda pode se sentir feliz durante o processo de conquistar algo. (RM, 2015)

O 화양연화  não necessariamente ocorre durante a juventude, mas no momento em que entendemos o que é amadurecer, assim como optamos por crescer mantendo nossa criança interior nas memórias. A primavera é o período em que às flores “amadurecem” e tornam-se bonitas. Da mesma forma, o momento mais bonito da vida é quando amadurecemos e aceitamos que nem tudo são flores, mas podem ser por um momento.

Figura 7 – A Primavera do BTS
Fonte: Bighit, 2015

Nota: A primavera ocorre nos meses de abril a junho na Coreia. O Debut do BTS ocorreu no dia 13 de junho, na primavera de 2013.

GLOSSÁRIO

  • Photoshoot: Sessão de fotos para um álbum.
  • Interdiscurso: É um conjunto de ideias, organizadas por meio do texto, que se apropria, implícita ou explicitamente, de outras configuradas anteriormente.

REFERÊNCIAS

  • Barrie, J. M., 1860-1937 Peter Pan & Wendy / J. M. Barrie ; traduzido por Gabriel Naldi ; ilustrado por André Ducci. — 1. ed. — São Paulo : Mojo.org, 2018. — (Mundos Extraordinários;  Título original: Peter & Wendy ISBN 978-85-455108-1-9 1. Literatura infantojuvenil I. Ducci, André. II. Título. III. Série. 18-21302 
  • BTS (방탄소년단). Intro: 화양연화 (Intro: Hwayangyeonhwa / Intro: The Most Beautiful Moment in Life).The Most Beautiful Moment In Life PT. 1. Slow Rabbit/  SUGA. Seul: BigHit Entertainment, 2015.
  • BTS (방탄소년단). Whalien 52. The Most Beautiful Moment In Life PT. 2. SUGA/ J-Hope/ RM/ Pdogg/ “Hitman’ Bang / Brother Su Seul: BigHit Entertainment, 2016.
  • BTS (방탄소년단). 고엽 (Goyeop / Autumn Leaves). The Most Beautiful Moment In Life PT. 2.  Pdogg / Slow Rabbit / SUGA. Seul: BigHit Entertainment, 2016.
  • BTS (방탄소년단). 불타오르네 (Fire) (Bultaoreune / Burning Up) The Most Beautiful Moment In Life: Young Forever. Pdogg/ “Hitman” Bang/ RM/ SUGA/ Devine Channel. The Most Beautiful Moment In Life: Young Forever.  Seul: BigHit Entertainment, 2016.
  • BTS (방탄소년단). EPILOGUE: Young Forever.The Most Beautiful Moment In Life: Young Forever. Slow Rabbit/ RM/ “Hitman” Bang/ SUGA/ J-Hope. Seul: BigHit Entertainment, 2016.
  • PETER Pan. Direção: Clyde Geronimi, Wilfred Jackson, Hamilton Luske. Produção: Walt Disney Productions. Roteiro: Milt Banta, William Cottrell, Winston Hibler, Bill Peet, Erdman Penner, Joe Rinaldi, Ted Sears, Ralph, Wright. Burbank- CA (EUA): RKO Radio Pictures, 1953. 1 DVD (77 min).
  • THE 3rd mini album: THE MOST BEAUTIFUL MOMENT IN LIFE PT.1. Seul: Bighit Entertainment, 29 abr. 2015. Disponível em: https://ibighit.com/bts/eng/discography/detail/hwayangyeonhwa-pt1.php Acesso em: 18 jul. 2020.
  • THE 4th mini album: THE MOST BEAUTIFUL MOMENT IN LIFE PT.2. Seul: Bighit Entertainment, 30 nov. 2015. Disponível em: https://ibighit.com/bts/eng/discography/detail/hwayangyeonhwa-pt2.php Acesso em: 18 jul. 2020.
  • 1ST special album: THE MOST BEAUTIFUL MOMENT IN LIFE: Young Forever. Seul: Bighit Entertainment, 02 mai. 2016. Disponível em: https://ibighit.com/bts/eng/discography/detail/hwayangyeonhwa-young_forever.php Acesso em: 18 jul. 2020.
  • TRABASSO, G. Já passou da hora de você saber quem é o BTS e porquê estão chamando atenção. Bangtan Brasil. São Paulo, 16 jun 2016. Disponível em: https://bangtan.com.br/news-ja-passou-da-hora-de-voce-saber-quem-e-o-bts-e-porque-estao-chamando-atencao/#:~:text=Qual%20%C3%A9%20o%20significado%20de,%2C%20formato%2C%20ano%20e%20brilhando. Acesso em: 12 jul 2020.

4 comentários em “The Most Beautiful Moment in Life: Acervo I”

  1. Gente, eu não fazia ideia de que essa era tinha mais significados por trás do que as teorias do BU. Eu tô surpresa e feliz pela facilidade de ler e entender o texto, de não querer que ele acabe também! Parabens, perfeitos

    1. Olá! 💜 Obrigada pela sua mensagem! Ficamos muito felizes em saber que você gostou do nosso trabalho! Realmente, o BTS faz diversos intertextos entre suas obras musicais e obras literárias (entre outras formas de arte). Esperamos que tenhamos te inspirado um pouquinho!
      Atenciosamente,
      Equipe BAA 💜

  2. Eu estou sem palavras para essa análise do livro e trabalho do BTS, realmente incrível como a literatura se conecta com as obras músicas de forma tão intensa e especial. A mensagem sobre a juventude é tão brilhante, pois é uma fase complicada, mesmo que bonita, às vezes não conseguimos perceber a parte boa no processo de crescimento pessoal.

    Parabéns pelo ótimo texto, estou muito feliz em ter lido.

    1. Olá! 💜 Obrigada pela sua mensagem! Mesmo que as mensagens das músicas ultrapasse barreiras de idade, linguagem etc., eles ainda falam da juventude de forma inovadora e real, não é?
      Ficamos muito felizes em saber que você gostou do nosso trabalho! Esperamos que tenhamos te inspirado um pouquinho!
      Já explorou o conteúdo do nosso site? Está cheio de informações importantes e conteúdo legal!
      http://barmysacademicas.com/
      Estamos à disposição para ajudar com qualquer outra dúvida!
      Atenciosamente,
      Equipe BAA 💜

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *